A ALEGRIA DE REENCONTRAR O PERDIDO

 
 
Lucas narra três parábolas no capítulo 15: a parábola da ovelha perdida; da dracma perdida e do filho pródigo  
Vs.1-3: “Um grupo de pessoas de reputação duvidosa (publicanos e pecadores) estava ouvindo Jesus com atenção. MAS os fariseus e líderes religiosos (mestres da lei), incomodados, começaram a reclamar (criticar): “Ele recebe pecadores e até senta-se à mesa com eles, como se fossem velhos amigos! Nisso, Jesus contou as seguintes parábolas.
 
 

1.      PARABOLA OVELHA PERDIDA

 
"Qual de vocês que, possuindo cem ovelhas, e perdendo uma, não deixa as noventa e nove no campo e vai atrás da ovelha perdida, até encontrá-la? E quando a encontra, coloca-a alegremente sobre os ombros e vai para casa. Ao chegar, reúne seus amigos e vizinhos e diz: ‘Alegrem-se comigo, pois encontrei minha ovelha perdida’. Eu lhes digo que, da mesma forma, haverá mais alegria no céu por um pecador que se arrepende do que por noventa e nove justos que não precisam arrepender-se". (Lucas 15:4-7)
 
 
 

Jo. 10.11,16: “11 Eu (Jesus) sou o bom pastor. O bom pastor dá sua vida pelas ovelhas. 16 Tenho outras ovelhas que não são deste aprisco. É necessário que eu as conduza também. Elas ouvirão a mina voz, e haverá um só rebanho e um só pastor”

 

Jesus nos vê como ovelhas de um grande e único aprisco
O que deves deixar para ir atrás?
Uma triste realidade: Os excessos afazeres, as inúmeras ocupações nos impedem de nos importar com as pessoas
A questão é deixar sob proteção e sair a busca até encontrar! Estás disposto a isso?
Ler Rm.12.10; 1Tes.4.9; Hb.13.1; 1Pe.1.22

 
Palavras de Jesus: “Eu lhes digo que, da mesma forma, haverá mais alegria no céu por um pecador que se arrepende do que por noventa e nove justos que não precisam arrepender-se"
 
 
 
A DRACMA (MOEDA) PERDIDA: "Ou, qual é a mulher que, possuindo dez dracmas e, perdendo uma delas, não acende uma candeia, varre a casa e procura atentamente, até encontrá-la? E quando a encontra, reúne suas amigas e vizinhas e diz: ‘Alegrem-se comigo, pois encontrei minha moeda perdida’. (Lucas 15:8,9)
 
 
 
Dracma era uma moeda grega de prata equivalente à diária de um trabalhador braçal.
 

A mulher representa a igreja ou o sexo mais frágil falando das nossas fragilidades!
Essa moeda fala de valores, princípios morais, familiares, espirituais etc que foram perdidos

 
Uma pergunta: Ela poderia ter deixado de ir atrás dessa moeda?
O que fez essa mulher ir atrás dessa moeda? Tal importância tendo isso como prioridade
 
“A pior coisa é o descaso, o deixa pra lá, não estou nem aí!”
 
 
 

ALGO ÓBVIO: “Ninguém perde aquilo que não tem, só perdemos aquilo que tínhamos”

 

Quais os valores que você perdeu no meio da caminhada?

Note: Onde ela perdeu essa moeda? Dentro de casa
 

“As coisas mais simples são as mais caras (valisoas) e infelizmente as mais deixadas para trás"

 
Princípios para reencontrar o perdido: CANDEIA E VASSOURA
 

1.      Ela acende a candeia = isso fala de luz


Trazer luz nos cômodos escuros do seu interior, da sua casa!
A candeia precisava de óleo = isso aponta para o Espírito Santo

 
 
 

2.      A VASSOURA serve para varrer, mas ela varre sozinha?


A moeda estava escondida debaixo das sujeiras

ELA PROCUROU atentamente, diligentemente ATÉ encontrar = extrema atenção e esforço = VOCÊ TEM QUE LUTAR POR AQUILO QUE PERDEU!
Mesmo apesar das suas fragilidades e vulnerabilidades você pode reencontrar o valor perdido usando: Luz, Espírito Santo, vassoura e diligencia - Ler vs.9,10
O FILHO PRÓDIGO (PERDIDO) através das curiosidades e rebeldia perdeu-se no mundo, mas voltou DIFERENTE do irmão mais velho que estava perdido dentro da casa do Pai tendo tudo reagiu com um sentimento de profunda ira e inveja: Ler vs.23,24, 28,31 e 32
POR FIM: Nas três parábolas: amigos, irmãos e serviçais compartilharam da alegria do reencontrado. Deus quer festejar contigo nesse dia!